Morreu Álvaro de Carvalho, director do Programa Nacional para as Doenças Mentais

 


É com muito pesar que nos despedimos do Dr. Álvaro de Carvalho que será lembrado para sempre como um grande mentor do Festival Mental, um visionário e um ser humano tremendamente empático que tudo fez para que este nosso/vosso projecto fosse uma realidade. O seu abraço foi dos mais fortes e o esforço físico que fez para estar presente na abertura do Mental reforçou um laço que nos obriga a levar este Festival da Saúde Mental a bom porto. A todos os portos.

Director do Programa Nacional para a Saúde Mental, da Direcção Geral da Saúde, sucumbiu hoje, aos 69 anos, vítima de doença oncológica.

Álvaro de Carvalho licenciou-se em medicina na FML com a especialidade de psiquiatria tendo posteriormente concluído o mestrado em Saúde Mental e Psiquiatria. Era também grupanalista e psicanalista.

Antes de abraçar a direcção do programa da Saúde Mental (2012), foi docente na UNL, coordenador nacional para a Saúde Mental e director dos Serviços de Psiquiatria e Saúde Mental já na DGS.

Do seu curriculum fazem ainda parte a direcção do departamento de Psiquiatria e Saúde Mental no Hospital São Francisco Xavier, foi membro da Sociedade Portuguesa de Suicidologia e médico coordenador da Casa Pia em Lisboa com o acompanhamento das vítimas do processo recente.

Para uma última despedida, o velório acontece a partir das 17h00 de hoje na Igreja São João de Deus. O corpo será transportado amanhã para a Igreja do Castelo na Lourinhã com o funeral marcado para as 14h00.

Leave a Reply